domingo, 18 de novembro de 2007

MARATONA BTT TERRA DO EGAS

Hoje dia 18NOV07 por volta das 09Horas, numa manha muito, muito fria, lá participei, conjuntamente com meu filho, já que o Estrada de Sousa e o Borges não puderam comparecer, na Maratona da Terra do Egas. Deve dizer que estava um bocado apreensivo, pois naquela zona o terreno não favorece o pessoal já com certa idade, pois é um bocado montanhoso.
Esta maratona começou com um breffing dado por um elemento da Organização, tendo depois os atletas (Bttistas) percorrido, devidamente agrupados e em ritmo de aquecimento, uns poucos kilometros para a verdadeira partida.
Como minhas previsões lá começamos nós de imediato a subir, mão muito ingreme, nem muito dificel, mas a subir. Foi assim cerca de 15/16Km que deu para que o pelotão se alongá-se pelos trilhos.
Depois da subida um planalto onde os trilhos se misturavam com algum empredado (paralelo) num sobe e desce constante, não muito violento mas acima de tudo desgastante.
Quando começamos a descer para Paços de Sousa, existia um trilho exigente, com rochas graniticas de grande envergadura que os Bttistas teriam de descer, claro que uns à mão, mas os mais corajosos em cima da Bike, como o caso do meu filho Ricardo.
Só posso dizer que era preciso mesmo coragem para descer aquilo. Continuamos descendo, passando por alguns aglomerados de casas, existindo num desses aglomerados uma descida vertiginosa, terminando essa mesmo descida num trilho exigente, mais parecia de Down Hill que os Bttistas teriam de descer, claro uns em cima das Bikes mas outros a pé.
Acho que meu filho também desceu aquele trilho em cima da Bike.
Nessa parte do percurso, encontrava-se muitos populares a incentivar e a ver os atletas (Bttistas) a fazer aquela parte do percurso.
Depois dessa zona quando pensava que era sempre a descer, reparo que para terminar a prova teria de subir um valente Monte, que muito custou ao pessoal, tendo depois de termos chegado ao topo ser sempre a descer até Paços de Sousa, estando a meta instalada na Escola Secundária.
Depois de um banho, lá fomos nós para o refeitório onde nos foi srvido um entrecosto grelhado e salcicha fresca grelada, com arroz, e para beber a respectiva cerveja, ou sumo.
Em balanço final foi uma agradavel maratona, pelo que aconcelho todos os Bttistas a irem a Paços de Sousa no próximo ano.
Só para compararem:
Organização - 5 Estrelas
Sinaletica - 5 Estrelas
Postos de Abastecimento - 4 Estrelas
Em Resumo muito boa maratona gostei.
Tenho algumas fotos do pessoal que normalmente "joga na liga dos ultimos" vou tentar postar no forum btt e aqui as fotos, só peço um pouco de paciencia ao pessoal.

1 comentário:

Jaime Fonseca disse...

Bom dia caro colega BTTista,

Para tristeza minha não posso ter a mesma opinião sobre a Maratona Terras do Egas.

Perdi-me nos ultimos 3 Kms por falta de marcação no percurso.

A marcação do percurso estava um "nojo", as placas com indicações eram pequenas demais para o efeito, o pessoal que estava nos postos de controlo demoravam imenso tempo a marcar os dorsais, etc.

Eu não corro para a liga dos ultimos(como voces carinhosamente chamam), por isso é que talvez tenha ficado desiludido.

De 0 a 10 dou 3 valores à organização.

Abraço e boas pedaladas