segunda-feira, 30 de agosto de 2010

DHU - VISEU 2010

Domingo dia 29 de Agosto de 2010, realizou-se, em Viseu mais uma prova de DHU, onde Ricardo (Dorsal 718) e Pedro (Dorsal 719) tornaram a efectuar. Vão na segunda participação desta bonita e desgastante prova (já que participaram também em 2009). Prova realizada básicamente no mesmo percurso do ano passado e debaixo de um calor abrasador. Aqui ficam fotos possiveis dos treinos livres realizados de manhã e das duas mangas efectuadas de tarde. Quem quiser ver videos sobre a prova siga estes LINKS http://videos.sapo.pt/Ef83oczBrCycvahLTgNV http://www.mauriciomatos.tv/?p=248

3 comentários:

Henrique Mário Soares disse...

fantásticas fotos, mais uma vez prestas aqui um excelente trabalho na divulgação desta espectacularmodalidade que só pode ter pernas para andar, assim a juventude queira e saía de frente dos pcs e levante a peida do sofã. Ah se agora fossemos jovens....que pena que na nossa juventude não existia nada disto.
Parabéns pelas fotos
Boas pedaladas

Jose Soares (cobrabtt) disse...

Ter pernas para andar, tem. Mas temos de reconhecer que não é uma modalidade barata, vasta andar pelas lojas das bikes para ver o preço das bikes e de todos os equipamentos necessários para que a mesma possa ser praticada. Como neste País não existem apoios (e então neste tipo de desporto é o que se vê) logo se depreende que todos os praticantes são carolas, ou seja são as familias que aguentam as despesas, (Bikes, protecções, inscriçao na federaçao, etc) que é o meu caso e de muitas outras familias que apoiam os filhos. Se fosse este desporto movido a motor de combustão, possivelmente não faltariam apoios (CMP, Governo, grandes superficies,Gasolineiras, etc), mas como é 100% ecológico, NÉPIA. Talvez para os meus NETOS as coisas mudem, pois pelo andar da carruagem, não deve demorar muito a acabar com o LOBI das petrolifras, e como tal depois sempre quereria ver como irão andar os AVIOESINHOS, OS KARTINHOS, AS MOTINHAS, OS CARRINHOS, BARQUINHOS etc.

Jose Soares (cobrabtt) disse...

Ter pernas para andar, tem. Mas temos de reconhecer que não é uma modalidade barata, vasta andar pelas lojas das bikes para ver o preço das bikes e de todos os equipamentos necessários para que a mesma possa ser praticada. Como neste País não existem apoios (e então neste tipo de desporto é o que se vê) logo se depreende que todos os praticantes são carolas, ou seja são as familias que aguentam as despesas, (Bikes, protecções, inscriçao na federaçao, etc) que é o meu caso e de muitas outras familias que apoiam os filhos. Se fosse este desporto movido a motor de combustão, possivelmente não faltariam apoios (CMP, Governo, grandes superficies,Gasolineiras, etc), mas como é 100% ecológico, NÉPIA. Talvez para os meus NETOS as coisas mudem, pois pelo andar da carruagem, não deve demorar muito a acabar com o LOBI das petrolifras, e como tal depois sempre quereria ver como irão andar os AVIOESINHOS, OS KARTINHOS, AS MOTINHAS, OS CARRINHOS, BARQUINHOS etc.